MENU
POR
POR
  • slidebg1

    The heart of

    the Ligabue Project

  • slidebg1

    The heart of

    the Ligabue Project

  • slidebg1

    The heart of

    the Ligabue Project

  • slidebg1

    The heart of

    the Ligabue Project

Home page > Projeto Nutricional

Projeto Nutricional

Eat better, Live better
A Ligabue promove uma alimentação sadia e equilibrada que contribui para o bem-estar e para melhorar o estilo de vida das pessoas, mesmo durante as atividades de trabalho

Em colaboração com os mais importantes clientes e com os melhores institutos de nutrição italianos, a Ligabue promove e aplica um programa de bem-estar para uma alimentação correta e equilibrada, adequada aos vários tipos de pessoas e aos locais de trabalho, ao abrigo das tradições e culturas locais onde o Grupo atua, orientada sobretudo para a qualidade, conservação e confeção dos alimentos. Em 1988, o Centro de Estudos e Investigações Ligabue já era pioneiro neste âmbito com o projeto Antártida sobre a alimentação em ambiente remoto, realizado juntamente com o E.N.E.A. (Instituto Nacional para as Novas Tecnologias, Energia e Desenvolvimento Económico Sustentável). Hoje recomeçase a partir das atividades ‘Industrial’ do Grupo, portanto, sempre em locais remotos e em condições extremas, mas com uma abordagem mais sistemática e com a aplicação de programas e protocolos mais inovadores em termos de necessidades energéticas diárias, segurança no rastreio e confeção dos alimentos, colocando sempre no centro de tudo o bem-estar das pessoas.

O projeto, estreitamente ligado à Missão do Grupo “Eat Better, Live Better”, tem os seguintes objetivos:

  • utilizar produtos de qualidade e criar receitas e ementas muito diversificadas, testadas para satisfazer e agradar ao máximo e para que haja uma ingestão ideal de calorias e de nutrientes para as diversas categorias profissionais das atividades ‘Industrial’, sem esquecer os fatores climáticos, ambientais e psicológicos;
  • criar e difundir uma cultura alimentar sadia que se torne estilo de vida sem vínculos nem imposições, valorizando as tradições e culturas das diferentes etnias, mas dedicando atenção à boa cozinha mediterrânica;
  • criar uma cultura do “estar bem” mesmo através da melhoria dos ambientes de trabalho, de repouso e de convivência, tornando-os acolhedores e agradáveis, garantindo sempre o mais alto padrão de segurança e de limpeza.